A Bíblia e o significado dos números



Quem não conhece a bíblia? O maior Best Seller da história, a Bíblia Sagrada é o livro mais vendido até hoje. Nele podemos encontrar pregações, histórias, profecias, parábolas e muita simbologia numérica. É sobre essa simbologia que iremos falar hoje.

Em nenhum lugar da bíblia foi explicado o que significa cada número, mas alguns estudiosos conseguiram decifrar o que cada um significa.


O número 1 é relacionado a Deus e tudo que o representa. É o número único, exclusivo assim como Deus. Certa vez Jesus respondeu a um homem rico: “Porque me interrogas sobre o que é bom? Bom é um só" (Mt 19,17).


Já o número 2 dois representa o homem, sempre divido, em conflito interior por causa do pecado.


Significa o "sempre", número 3, passado futuro, enfim o tempo. Um exemplo claro disso é em Isaías 6: 3: Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; a toda a terra está cheia da sua glória.

Ao dizer santo três vezes entende-se que é para sempre.


6 é o número da imperfeição. É relacionado com o homem, haja vista que Deus o criou no sexto dia. Em muitas passagens é possível ver o número 6 ligado a algo imperfeito. Vale lembrar também que o número "666" é considerado o número da besta ou do Anticristo.


O número perfeito é o 7 segundo a bíblia. "E no sétimo dia Deus descansou", várias passagens do antigo testamento reforçam essa ideia como por exemplo: As sete trombetas os sete selos. Simboliza a plenitude, sigilo ou punição divina.


O número 12 significa algo que foi escolhido ou eleito, como os 12 apóstolos, as 12 tribos de Israel, as 12 portas de Jerusalém no apocalipse e muitos outros.
Existem muitos outros números com significado bíblico, mas esses são os que aparecem mais vezes.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Assinar: Postar comentários (Atom)