O Alho combate várias doenças


O  cheirinho  de  alho  fritando  na panela abre o apetite.   Mas essa não é a forma recomendada pelos nutricionistas para preparar o alimento. 

“Os produtos que existem no alho, eles façam o bloqueio ou a diminuição do efeito fitoterapêutico", diz Paula Saldanha, nutricionista.

O alho faz parte de um grupo de alimentos chamados funcionais que têm componentes benéficos para o corpo. Mas para absorver todas essas propriedades terapêuticas é preciso consumir o alho cru.

As pesquisas mais recentes também revelam que ele deve ser macerado, como a dona de casa costuma fazer antes de temperar os alimentos. 

"Você ingerir ele inteiro, não vai ter as mesmas propriedades do que ele amassado. Se você for fazer no arroz e no feijão, você macerar ele e coloca como o último pra utilizar como tempero”, explica Paula Saldanha, nutricionista. 



Quando consumido da forma correta, o alho é um importante aliado na prevenção e combate a diversas doenças. A ciência já identificou cerca de 30 propriedades terapêuticas. 

Entre elas a aliina: um aminoácido eficaz no tratamento de doenças cardíacas. O ajoeno, que previne a formação de coágulos e também é anti-inflamatório. A alicina é um poderoso antibiótico. A quercetina é um antialérgico. 

O alho também é rico em selênio, que tem ação antioxidante e ajuda a combater os radicais livres. Os ácidos fenólicos têm atividade antiviral e antibactericida, além das saponinas, que segundo as pesquisas previnem o câncer. 


Uma sugestão para aproveitar todo esse potencial e afastar o risco das gripes nessa época do ano é um chá de alho. 

Preste atenção nas dicas para o preparo: 

“Coloca a água, não deixa ferver, mas só fazer bolinhas na lateral da panela. Joga em cima da xícara, onde vai estar amassado o alho, e os outros ingredientes que você quiser, deixa abafado um pouquinho ali e depois bebe. Cinco minutinhos, ótimo, antes de dormir”, ensina.

Pesquisa/Montagem/Edição: JF Hyppólito
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...