Alimentos proibidos por várias Religiões



ISLAMISMO

Bebidas alcoólicas são proibidas para os fiéis e por leis civis em vários territórios islâmicos. Também são vetados: suínos, cães, frutos do mar (exceto vegetais, peixes com escama e camarões), macacos, animais selvagens, aves de rapina, répteis, anfíbios e insetos. 

Além disso, há normas minuciosas sobre abate e preparo de alimentos.


BUDISMO

Não há leis proibindo ou permitindo alimentos como no judaísmo ou islamismo. A conduta alimentar varia entre as vertentes budistas, de acordo com princípios práticos e filosóficos da religião. 

Há desde grupos que comem carne, peixe e ovos até budistas veganos,que não consomem produtos animais pelo princípio de não causar danos a outras vidas

JUDAÍSMO

Um conjunto de leis (kashrut) determina os alimentos apropriados (kosher). Alguns ingredientes proibidos parecem com os do islamismo, mas há peculiaridades: misturar carne e leite, tipo hambúrguer e queijo, não pode. 

Os mamíferos permitidos precisam ruminar e ter unhas fendidas. Isso exclui porcos (não ruminam) e camelos (não têm fendas nas unhas), entre outros bichos.


CRISTIANISMO

Na Igreja Católica a restrição alimentar acontece num período específico: a quaresma - período de 40 dias após o Carnaval, descontando-se os domingos. 

Na quarta-feira de cinzas e nas sextas-feiras que precedem a Páscoa, recomenda-se que os fiéis se abstenham de carne bovina. Por isso a tradição de almoçar peixe na sexta-feira santa.

OUTRAS CURIOSIDADES

-Matar animais também não é bem visto no budismo por causa da crença na reencarnação de seres humanos em forma de animais e vice-versa.

-No Ramadã, nono mês do calendário muçulmano, é proibido se alimentar e tomar líquidos entre o nascer e o pôr do sol.

-Entre os protestantes, adventistas do sétimo dia não consomem carne suína.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...